O Plano de Saúde Pet na Visão do Consultor

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Meu nome é Bernd e sou sócio-fundador da consultoria Saúdepets.
Queria tomar um pouco do seu tempo, para contar sobre o cotidiano do nosso trabalho, que é bastante desafiador.

A Saúdepets atua como intermediadora entre os clientes que procurem uma proteção para seus animais, e as empresas “operadoras”, que oferecem diversos planos para disponibilizar coberturas desejados dos tutores. Nosso propósito é encontrar o convênio ideal para seu bichinho. E tudo isso com a melhor relação entre custo/benefício/qualidade. E exatamente nesse ponto temos bastante desafios. O maior é sempre o mesmo: Você como cliente quer pagar o mínimo, para o máximo de serviço. Ou seja, algo impossível!
Basta somente analisar a situação dos planos de saúde humano, que está cada vez mais complicado. A ANS limitou o percentual para reajustes dos planos para pessoas físicas, o que resultou na eliminação de muitas operadoras nesse segmento. É complicado estimar a futura utilização de um plano, quando a população fica cada vez mais idoso. E ainda mais, quando a ANS amplia as coberturas, que impactam o custo operacional. Bom, voltando para o segmento Pet, ainda não tem uma ANS para os animais, mas estimam-se em torno de 70 milhões de cães e gatos no Brasil com uma idade média avançando. Isso quer dizer, que a necessidade de prevenção e assistência emergencial aumenta cada vez mais. Não tem uma rede pública suficiente para prestar serviço aos animais de estimação, infelizmente também não terá no breve futuro.

A primeira questão é sempre, vale a pena? Minha resposta é simples: O que seu bichinho significa para você? Serve como segurança na sua propriedade, como companheiro para seus filhos e você, ou como um membro da família?  Você sentia dor, ele passando mal ou sofrendo um acidente? Pois é, não queremos pensar nessas situações. Mas igual as nossas vidas, tudo pode acontecer.

Eu posso te dizer, que o sofrimento é muito grande! Já passei por isso, e além do sentimento, você terá gastos. Não estou falando em R$ 100 ou R$ 200. Acredite quando te falo, que uma cirurgia com acompanhamento e tudo que faz parte, pode custar facilmente R$ 6 mil – R$ 10 mil. Você tem esse dinheiro guardado para seu pet hoje?
Bom, não quero te influencionar para comprar agora seu plano pet, mas sim, pensar com mais sinceridade e analisar as opções no mercado. Se eu diria, que uma proteção suficiente custa R$ 89,90 por mês, você faria? Sim, com R$ 89,90 por mês, você já pode tirar esse medo de imprevistos da sua cabeça. Com esse valor, você cobrirá gastos até R$ 7 mil ao ano. Onde estiver, no todo Brasil. A única ressalva, você tem que fazer isso com seu pet em condição de boa saúde. Não existe um plano, que cobre procedimentos para doenças ou outros males existentes. Isso não quer dizer, que você não é elegível para fazer seu convênio. Somente as pré-existências não teriam cobertura. Mas sim, qualquer outro ‘sinistro’. E assim, a contratação faz ainda sentido!

E a segunda questão é a mesma, sabia? Não seria mais fácil guardar o dinheiro mensalmente, para ter uma reserva caso aconteça algo com seu cão ou gato, e pagar direto? Mais uma resposta simples: Você não vai guardar esse dinheiro. Dificilmente tem a disciplina e jamais vai resistir de usar o dinheiro para uma viagem, um jantar ou qualquer outra besteira. Já pensou o que R$ 89,90 são de verdade? Uma saidinha numa sexta-feira sem pensar. Um lanche, duas ou três cervejas e já era. A saúde do seu animal não vale mais?

Bom, talvez consegui te alertar um pouco com essas considerações, porque é que nós discutimos e discutimos diariamente com milhares tutores no todo Brasil.

 

Explore mais

Woman cuddling her cat

Entendendo a comunicação do seu gato

Gatos sempre foram considerados criaturas bastante misteriosas. Embora os gatos tenham uma maneira universal de se comunicar, eles têm formas diferentes de se

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *